Beneficiários do Bolsa Família terão conversor de TV Digital de graça

Uma possível interferência entre o sinal da TV e o sinal do 4G fez com que a ANATEL (Agência Nacional de Telecomunicações) aprovasse na última quinta-feira (10) o edital para leilão do 4G, porém ela determina que as famílias cadastradas nos programas sociais do Governo Federal (Bolsa Família, CadÚnico, entre outros) recebem gratuitamente um conversor digital ou filtro, o equipamento poderá evitar a interferência com o sinal do 4G na transmissão da televisão.



Estima-se que pelo menos 27 milhões de famílias sejam beneficiadas. O edital estabelece dois tipos de benefícios distintos, as famílias que recebem o Bolsa Família por exemplo, devem recebem de graça um Conversor de TV Digital com filtro, já as famílias que estão cadastradas apenas do CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal) devem receber apenas um filtro que impede a interferência entre os dois sinais.

A medida é uma forma de evitar que o sinal do 4G (internet de quarta geração) e o da TV Digital entrem em conflito, evitando dessa forma que o leilão do 4G fosse mais uma vez adiado.

Quem não receber os equipamentos
As famílias que não receberem os equipamentos deverão comprar um filtro para evitar que ocorra a interferência entre os dois sistemas. Estima-se que ele seja comercializado por cerca de US$5,00 (aproximadamente R$11,00). A Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL) determinou ainda que sejam lançadas campanhas publicitárias para orientar a população sobre a migração dos sistemas, sendo também uma forma de orientar as famílias sobre a necessidade de aquisição do filtro para evitar que os dois sistemas entrem em colapso.

Foi aprovado também um Regulamento sobre as Regras de Convivência entre o sinal do 4G e o da TV Digital que ocupam a faixa 700 MHz. O documento é necessário pois alguns canais de TV Digital funcionam em faixa muito próximas ao que estará o sinal da internet de quarta geração, podendo haver interferência entre um serviço e outro.

Ainda haverá uma consulta pública, que deverá acontecer a partir do dia 2 de Maio. Onde está previsto a realização de pelo menos três audiências públicas para a discussão do tema.


4 comentários:

Evite usar a opção "Anônimo", se não tiver conta no Google, preencha seu nome na opção "Nome/URL"