PROJOVEM Trabalhador - Como participar e cursos oferecidos

O programa Projovem Trabalhador foi criado pelo Governo Federal para oferece qualificação profissional de graça aos jovens carentes. Além de se qualificarem os participantes também recebem uma ajuda de custo de R$600,00 que é dividida em seis parcelas de R$100,00 pago mensalmente por meio de um cartão ao participante. Além da ajuda de custo o programa arca também com todo o material didático, uniforme e alimentação durante o período de aula. Os cursos profissionalizantes tem sido a saída de muitos jovens para entrar no mercado de trabalho, pois hoje em dia é muito difícil conseguir uma colocação se não tiver qualificação. Para as famílias de baixa renda e que não podem pagar por cursos a melhor saída é se inscrever em programas como esse. A ajuda de custo do governo é importante pois muitos jovens deixam de se qualificar porque precisar ajudar no sustento da família, fazendo “bicos” ou pegando empregos completamente desgastantes.


Quem pode participar 

Podem participar do projeto Projovem Trabalhador quem tem idade entre 18 a 29 anos e que não está empregado com carteira assinada. Além disso a família não pode ter uma renda per-capita maior do que meio salário mínimo (para calcular a renda é só somar toda a renda da residência e dividir pelo número de pessoas, incluindo crianças).


Quanto receberei? 

O Governo além de arcar com os custos do curso do começo ao fim ainda paga ao participante R$600,00 que é divido em seis parcelas de R$100,00 pago durante todo o curso. O dinheiro é pago por meio de um cartão do programa.


Quais os cursos profissionalizantes disponíveis? 
Os cursos variam de acordo com o município, mas são muitos e em várias áreas como: Administração, Agro Extrativista, alimentação, arte, cultura, beleza e estética, comunicação, marketing social, construção civil, educação, esporte, gráfica, joalheria, madeira, móveis, mecânica, pesca, piscicultura, saúde, serviços pessoais, informática e tecnologia, línguas, transporte, turismo, indústria e vestuário. Verifique no seu município quais as turmas e cursos disponíveis.


Como se inscrever para participar 

Os interessados podem procurar a Secretária do Trabalho do seu município, CRAS (Centro de Referência e Assistência Social) ou ainda o setor responsável pelo programa Bolsa Família. Um assistente irá lhe explicar os cursos que o município tem disponível e como você pode fazer para participar, bem como toda a documentação necessária para participar do programa.


0 comentários:
Postar um comentário

Evite usar a opção "Anônimo", se não tiver conta no Google, preencha seu nome na opção "Nome/URL"