Como negociar dívidas da Oi com desconto

A operadora Oi é uma das maiores do país, ela trabalha tanto com linha móvel quanto fixa. Nesta matéria ensinaremos como negociar suas dívidas com a operadora Oi, caso tenha alguma pendência junto a operadora. É possível negociar dívidas pela central de atendimento telefônica, em alguns casos é possível conseguir um bom desconto, principalmente para pagamento à vista, tudo dependerá do valor da dívida, tempo e das condições de pagamento fornecidas pela empresa. A Oi também é responsável pela Brasil Telecom (BRT). Após negociar a sua dívida o seu nome deve ser retirado em até 7 dias úteis dos órgãos de proteção ao crédito, dessa forma você voltará a ficar com o nome limpo, mesmo que tenha feito um acordo de pagamento parcelado da dívida.



Pra quem quer sair do vermelho, negociar suas dívidas é fundamental. A seguir disponibilizamos os principais telefones para que você possa negociar seu débito com desconto.

Negociar por telefone

A melhor opção para negociar sua dívida com a Oi é através do 0800-283-8331 (disponível apenas de telefones fixo), através dele é possível consultar o saldo da sua dívida e efetuar uma negociação. O bom dessa central é que ela é a única que está habilitada a conceder grandes descontos (dependendo da sua dívida). Além disso caso não possa efetuar o pagamento à vista, também é possível negociar o parcelamento para que o débito seja compatível com o seu orçamento.
Caso prefira negocie sua dívida pelas centrais de atendimento:

  • Oi Móvel: 1057 ou *144 de telefones da Oi;
  • Oi Móvel área da antiga BrT: 1053
  • Oi fixo e Velox: 10331
  • Oi Fixo e Velox, antiga BrT: 10314
  • Oi Tv: 10631


Lembrando: o telefone 0800-283-8331 é a melhor opção para negociar débitos, isso porque a central de negociações está apta a conceder descontos para o pagamento de suas dívidas. Muitas vezes os descontos oferecidos chegam a 50% do valor da dívida.

Ao negociar é importante que o consumidor exponha as suas condições de pagamento – até quanto você pode pagar mensalmente para a quitação de sua dívida? – Para isso é fundamental fazer um planejamento financeiro, já que após o acordo o seu nome é retirado do SCPC ou Serasa, porém caso atrase alguma prestação o seu CPF poderá ser incluso novamente na lista de proteção ao crédito, dessa vez como uma nova dívida, pois não há como incluir a mesma dívida no Cadastro de Proteção ao Crédito.


1 comentários:

  1. Muito obrigado, consegui um desconto de 77% em uma dívida.

    ResponderExcluir

Evite usar a opção "Anônimo", se não tiver conta no Google, preencha seu nome na opção "Nome/URL"