Créditos acumulados do Nota Fiscal Paulista podem pagar o IPVA

Muitos paulistas vão utilizar os créditos acumulados no programa Nota Fiscal Paulista para abater ou até mesmo quitar o IPVA 2015, por meio do programa é possível recuperar parte do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) pagos ao longo do tempo, com isso é possível obter uma grande economia caso o consumidor já esteja habituado a pedir sempre a inclusão do CPF no momento da compra. Neste artigo o site vai falar sobre o processo para pedir o resgate dos créditos pela internet, apesar de ser muito fácil, muitas pessoas têm encontrado dificuldade na realização do processo via web.


Prazos – É extremamente importante ficar atento ao prazo para solicitar o resgate dos créditos para pagamento do IPVA de 2015. A Secretária da Fazenda do Estado de São Paulo informou que a função permanecerá disponível durante todo o mês de Outubro de 2014, após o dia 31 de Outubro só será possível utilizar o valor acumulado para transferência para uma conta corrente ou poupança.

O contribuinte pode usar o valor acumulado para abater (obter desconto) ou até mesmo quitar o IPVA caso disponha de créditos suficientes. Vale ressaltar que todo o processo deve ser feito pela internet e só pode ser utilizado em benefício do próprio titular, dessa forma não é permitido o pagamento do IPVA de um veículo que está em nome de terceiros, essa mesma regra é válida para a transferência para conta bancária e foi criada para impedir fraudes no programa de incentivo fiscal.

Processo para abatimento do IPVA com o Nota Fiscal Paulista

Primeiro passo – Acesse o site www.nfp.fazenda.sp.gov.br/login.aspx e faça o login com seu CPF/CNPJ e senha cadastrada. Caso não possua cadastro ou não se lembre da senha, será preciso antes de tudo resolver a pendência, pois a solicitação de resgate só pode ser feita por meio da internet na área restrita de cada consumidor.

Segundo passo – Após realizado o login o consumidor deverá procurar a opção “Utilizar Créditos” que localiza-se no menu [Conta Corrente], veja na imagem abaixo:

Terceiro passo – Depois é só escolher a opção [Quitar ou abater o IPVA 2015]

Último passo – Na próxima página será apresentado uma tela com um formulário no qual deverá ser informado o número do Registro Nacional do Veículo (RENAVAM) para o qual deseja pedir a transferência do valor acumulado. Importante: O RENAVAM informado deve pertencer a um veículo da mesma titularidade do detentor dos créditos do NFP.

Pronto! Agora você já apreendeu como utilizar os créditos do Nota Fiscal Paulista para pagar o IPVA, lembre-se de pedir sempre a inclusão do CPF ou CNPJ no momento de suas compras para continuar ganhando créditos.


0 comentários:
Postar um comentário

Evite usar a opção "Anônimo", se não tiver conta no Google, preencha seu nome na opção "Nome/URL"